IPVA e DPVAT de automóveis começam a ser pagos dia 9 de janeiro


 Veja as datas e valores
Foto de OJornal Grande Vale.

Os proprietários de veículos registrados no Estado de São Paulo não vão mais receber o aviso de vencimento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2018.
A Consulta deverá ser feita apenas pela internet no site www.valoripva2018.fazenda.sp.gov.br 
Para isso é preciso fornecer o número do Renavam e placa do veículo.
O valor também estará disponível em toda a rede bancária. A consulta pode ser realizada nos terminais de autoatendimento, pela internet ou diretamente nas agências, bastando o número do Renavam do veículo.
A Secretaria da Fazenda disponibiliza canais eletrônicos de atendimento, pelo 0800-170 110 ou no Fale Conosco para que os contribuintes possam sanar suas dúvidas.
Veja também quando licenciar seu veículo
IPV PODE SER PARCELADO
Os contribuintes podem pagar o IPVA 2018 em cota única no mês de janeiro, com desconto de 3%, ou parcelar o tributo em três vezes (nos meses de janeiro, fevereiro e março), de acordo com o final da placa do veículo. Também é possível quitar o imposto no mês de fevereiro, sem desconto.Quem deixar de recolher o imposto fica sujeito a multa de 0,33% por dia de atraso e juros de mora com base na taxa Selic. Passados 60 dias, o percentual da multa fixa-se em 20% do valor do imposto.
CALENDÁRIO IPVA 2018
Os proprietários deverão observar o calendário de vencimento por final de placa. Para efetuar o pagamento do IPVA 2018, basta o contribuinte se dirigir a uma agência bancária credenciada, com o número do Registro Nacional de Veículo Automotor (Renavam) e efetuar o recolhimento no guichê de caixa, nos terminais de autoatendimento, pela internet ou débito agendado ou outros canais oferecidos pela instituição bancária.
SEGURO OBRIGATÓRIO DPVAT TAMBÉM DEVE SER PAGO
untamente com a primeira parcela ou quota única do IPVA, também deve ser pago o DPVAT, seguro obrigatório, que é destinado para vítimas de acidentes envolvendo veículos automotores terrestre ou popularmente falando, acidente de trânsito. Este deve ser pago todos os anos e o valor será destinado as vítimas, como uma indenização para suprir todas as possíveis despesas com: Médicos; Medicamentos; Contas de hospitais; Cuidadores Profissionais. Em casos de acidentes mais graves, contendo morte por exemplo, as famílias das vítimas poderão receber o seguro.
É importante lembrar que tanto o motorista quanto o pedestre terão direito a receber o valor do seguro DPVAT 2018 e ele será pago mesmo nos casos que não houverem comprovação de culpa.
Para os veículos isentos do IPVA, o seguro deve ser pago na ocasião do licenciamento ou emplacamento.
Veja como pagar e os valores no link abaixo
https://www.seguradoralider.com.br/pagamento

por João Paulo Ouverney

Comentários

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *