Pindamonhangaba terá ponto de apoio aos romeiros

De 10 a 12 de outubro, Pindamonhangaba terá um local de acolhimento aos romeiros que seguem a pé ou de bicicleta até Aparecida pela SP-62, devido às comemorações dos 300 anos de aparição de Nossa Senhora Aparecida no rio Paraíba do Sul.

O projeto Amigos dos Romeiros é uma iniciativa gerada pela parceria entre o Fundo Social de Solidariedade do município, a Prefeitura de Pindamonhangaba, por meio da Subprefeitura de Moreira César, e a igreja Adventista.
A partir das 8 horas de terça-feira (10), até as 8 horas de quinta-feira (12), voluntários das três instituições estarão 24 horas a postos para acolher os devotos, com água, frutas, bacia com gelo, colchonetes, aferição de pressão, mesas e cadeiras, além de banheiros químicos.

O ponto de apoio será montado na área verde próxima à estátua do Guardião de Moreira César, na altura do bairro Mantiqueira. Inicialmente, o grupo está preparado para atender mil pessoas, podendo estender este número, caso haja necessidade.

Pindamonhangaba recebe milhares de romeiros todos os anos, mas devido às comemorações dos 300 anos, a previsão é que este número seja maior, principalmente nos dias que antecedem a data, 12 de outubro. A cidade faz parte, ainda, de duas rotas turísticas de peregrinação, a Rota da Luz - desenvolvida pelo governo do Estado de São Paulo - e o Caminho da Fé.

Para a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Pindamonhangaba, Cláudia Domingues, a iniciativa é, antes de tudo, uma prova de amor ao próximo. "Independentemente de religião, todos os voluntários são bem-vindos a participar com a gente deste gesto de solidariedade e respeito com o próximo, com o romeiro que muitas vezes está caminhando há dias, e terá neste ponto de apoio um momento de conforto e de incentivo para trilhar os quilômetros finais até a Basílica", afirmou. 

por Carla Tavares -mtb.7244/SP

#OJORNALGRANDEVALE


Comentários

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *