Prefeitura e Conselho iniciam Cadastro Municipal de Cultura.



A Prefeitura de Pindamonhangaba, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo e Departamento de Cultura, em parceria com o Conselho Municipal de Cultura, estão iniciando o Cadastro Municipal de Cultura. O intuito é mapear os articuladores e fazedores de cultura do município, para melhor implementação de políticas públicas para o setor. 
Entre os objetivos do cadastro, estão a contribuição com possíveis solicitações de editais e auxílios externos que venham a exigir a inscrição do artista, do grupo ou da entidade no Conselho Municipal de Cultura; e o cumprimento da meta 1.8 do Plano Municipal de Cultura, que estipula o Desenvolvimento do SMIIC (Sistema Municipal de Informações e Indicadores Culturais), previsto no SMC (Sistema Municipal de Cultura), que tem como objetivo especifico ter base de dados dos artistas municipais.
O cadastro é aberto a artistas, grupos, coletivos e entidades não governamentais que trabalhem com cultura, e qualquer fazedor de arte e ou cultura no município, sendo pessoa física ou jurídica, no Conselho Municipal de Pindamonhangaba. O período de inscrição já está aberto no site da Prefeitura www.pindamonhangaba.sp.gov.br e será válido até dezembro de 2020, sendo renovado anualmente. 
De acordo com a diretora de Cultura da Prefeitura, Rebeca Guaragna Guedes, durante o período de quarentena e enquanto perdurar a pandemia do Covid-19, os cadastros serão realizados somente pelo site da Prefeitura. Após este período, a intenção é que o cadastro possa ser realizado também presencialmente, na sede do Departamento de Cultura, região central da cidade. “Em caso de dúvidas ou dificuldades para realizar a inscrição online, estamos à disposição pelos telefones 3642-1080 ou 3643-2690 para tirar as dúvidas e até mesmo realizar a inscrição por meio telefônico”, explicou. 
De acordo com o presidente do Conselho Municipal de Cultura de Pindamonhangaba, Wagner Eduardo Conceição Souza, as entidades, grupos ou pessoas inscritas para o cadastro serão analisadas por uma comissão avaliadora do Conselho Municipal de Cultura. “A princípio, todos os inscritos estarão cadastrados, devido questão de emergência. Posteriormente, quando o Conselho Municipal de Cultura voltar a suas atividades regularmente (presenciais), será analisada e publicada as questões pertinentes a avaliação”, destacou.
Importante destacar que os dados pessoais dos artistas e fazedores de cultura não serão públicos, somente os índices, compondo o panorama geral da cidade. 
A resolução completa está no site da Prefeitura, clicando no banner do Cadastro Municipal de Cultura.

#todoscontracoronavirus 
#juntosvamosvencerojornalgrandevale

Comentários

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *